quinta-feira, 17 de abril de 2014

DESVIRTUALIZAR É TUDO DE BOM !!!!!

75 mulheres,
75 sorrisos,
75 talentos,
75 sonhos,
75 amigas,

que de virtual só ficou o nome.
Agora a amizade é real!
Um encontro pra lá de inesquecível.
O primeiro de muitos......



quarta-feira, 19 de março de 2014

COMO REAPROVEITAR AS SOBRAS DE ARROZ

Aqui em casa nada se desperdiça. Gosto muito de reaproveitar e dar novos usos, e na comida as coisas também funcionam assim.
Quando abri a geladeira vi que havia uma grande sobra de arroz, nada melhor do que 
reaproveitá-lo com uma receitinha bem legal  de Torta de Arroz, rápida e fácil de fazer!!!





Você vai precisar:

- 2 xícaras (chá) de arroz cozido (sobras)
- 700 ml de leite
- 2 ovos
- 1/2 xícara (chá) de óleo vegetal
- sal à gosto
- 8 a 10 colheres (sopa) de farinha de trigo
ATENÇÃO: NADA DE FERMENTO

Preparando:

Bater no liquidificar, os ovos inteiros, acrescentar o óleo, o leite . Acrescente o arroz e bata bem até triturar tudo.
Continue batendo e acrescente a farinha de trigo uma colher por vez.
A massa vai ficar com a consistência mole, tipo um creme.
Distribua metade da massa em uma assadeira untada com margarina. Coloque o recheio de sua preferência. (queijo, presunto, carne, frango com catupiry, linguiça e etc.) e coloque o restante da massa por cima. Salpique queijo ralado a gosto.
Assar em forno moderado até dourar. 
( Teste o cozimento da massa com um palito de dente, se o palito sair limpinho está pronta).

Espero que vocês gostem. Beijos!!!!

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

VIAJARÉTUDODEBOM.COM.BR

Quando eu fiz o curso de Designer de Interiores, tinha uma colega na sala que pra tudo usava o termo "ponto-com-ponto-br" no final. Eu adorava isto pois sempre me pareceu enfático e dava importância a assuntos nem sempre tão importantes. Nos divertíamos um monte com isso. 

Como hoje vou trazer um assunto de muita importância pra mim, resolvi enfatizá-lo mais ainda,  parafraseando minha amiga Valéria.

Minha viagem de férias foi uma delícia, divertida e com a família reunida, coisa que dificilmente consigo fazer, porque com meu filho mais velho já casado, ele raramente sai com a gente. Então, tê-lo conosco foi maravilhoso (quero abrir um parenteses e me desculpar com minha nora, pois teria sido igualmente maravilhoso se ela também estivesse conosco, mas infelizmente isto não foi possível naquele momento...).

Quero deixar tudo registrado porque minha memória anda falha demais. Tenho certeza que a menopausa é a grande vilã .

Já no aeroporto de S. Paulo, perdemos as malas.

Saimos de Curitiba pela Gol que nos fez crer não ser necessário pegar as malas em S. Paulo, já que seguiriam pela American Airlines para Orlando, visto nosso vôo ser por essa companhia. Acontece que a American era operada pela TAM... Resultado: quando conseguimos descobrir e chegar até o balcão da TAM...

- Vocês não tem bagagem à despachar? 
Aí contamos a história......
- Nós não temos convênio com a Gol, então vocês terão que pegar a bagagem ou  elas ficarão presas aqui.
- Como assim?!!!!
- Olha a bagagem somente pode ser despachada até tal horário...

Tínhamos somente 1 hora e 30 minutos para localizar  e despachar a bagagem no voo certo.

E começou a correria...

Eu fiquei no saguão ao lado do balcão da TAM guardando a santa e abençoada bagagem de mão de todos,  porque seria mais fácil correr aquele terminal todo sem nada na mão, seguiram marido e filha cada um para um lado ver onde estava nossa bagagem.

E eu pelo celular controlando e enlouquecendo os dois... rsrsrsrsrsrs

A Gol não sabia de nada, tal e qual a American Airlines e a minha agonia só aumentava.

Pra encurtar a história uma excelente funcionária da Gol tomou nossas dores e saiu ela mesma à caça das malas. E achou... Ufa!!! Graças à Deus ainda conseguimos despachá-las nos derradeiros momentos finais. O que depois da correria já a caminho da ala de embarque me lembrei e fiz filha e marido pararem e darem 3 pulinhos e 3 gritinhos, afinal São Longuinho bem que mereceu.

Algumas pessoas nos acharam meio malucos e ficaram rindo... E nós também.

E começou a viagem...

Chegamos ao destino às 5 da tarde, mas até fazer tudo, polícia federal, pegar bagagem, localizar a locadora de carros , pegar o carro, descobrir como funciona e etc... Já eram quase 8 da noite quando saímos do aeroporto rumo ao hotel, no qual chegamos, deixamos as malas e saímos pra comer algo, porque a fome estava danada. 

Voltamos pra dormir que a diversão só estava começando...

No dia seguinte, muito frio, vento cortante e a alegria das comprinhas...



Os outlets são um sonho à parte. É uma loucura, o povo vem com malas mesmo e compram, compram e compram. Não dá pra não fazer isso.



Onde está o Wally?




Depois de 2 dias de compras, não pense que acabou por aí, mas uma pausa se fez necessária. Fomos nos divertir nos parques...






Me perdoem os que não gostam, mas adoro esses parques e nessas horas esqueço tudo e deixo meu lado criança assumir.

Fui no brinquedo do castelo do Harry Potter só umas 4 vezes...



A primeira varinha você nunca mais esquece!!!!!

A comida e os restaurantes dão um show à parte, tanto nos parques como fora deles.














O Mickey é simplesmente apaixonante, ainda mais quando ele fala, mexe a boca e os olhos, te faz perguntas e quer que você o ensine a falar em português. Aí a gente esquece que lá dentro tem uma pessoa fantasiada e crê na existência do próprio ratinho...




Ser outra pessoa faz parte da fantasia. E não há quem não experimente pelo menos umas orelhinhas...


Algumas princesas são realmente apaixonantes em sua rebeldia que não nos importamos em ficar por até 40 minutos em uma fila só pra pegar seu autógrafo!
PS: Ela realmente fala com o sotaque escocês!!



E quando os pés doem de tanto andar é só sentar no chão e assistir um show,  alí mesmo...




 E quando escurecer e você pensar que acabou, é brindado com um show de luzes.



E mais compras, porque ninguém é de ferro!



E nem a farmácia escapa, porque quem já entrou numa Walgreens sabe muito bem o que eu estou falando!

Agora, que tal um resumo musical! Vem curtir comigo!!!!


Tudo que é bom demora pra chegar e passa muito rápido, mas foi tão bom, tão bom que com certeza vai ter mais... Ah, isso vai!!!!

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

COMO REAPROVEITAR UMA TOALHA MANCHADA

Evitar o descarte desnecessário é um estilo de vida.  Produção e consumo tem limite e precisamos respeitá-lo. Há tempos venho dizendo que o reaproveitar, reciclar, dar novos usos não é tendência, é necessidade, educação, bons princípios e maior garantia de dar aos nossos descendentes um mundo com menos desperdício e mais consciência. Portanto, assuma o comando o piloto é você e o meio ambiente agradecerá!!!
Aí quando acontecer um acidente e você manchar uma toalha, ou roupa favorita, não jogue fora e nem transforme em pano de limpeza, com um pincel e um pouquinho de tinta, você disfarça a mancha, reutiliza e ainda ganha uma peça nova pra sua casa.
Adoro transformar.....

Uma toalha, velhinha e manchada.



Material  necessário:
Tinta para tecido, stencil, pincel cabo amarelo ref.:815
Para este trabalho optei por um stencil de mandalas e fugindo das borboletas, escolhi as libélulas, hehehehe!!!!


Para pinturas com stencil preparo o pincel da seguinte forma:
- corto com uma tesoura um pouco dos pelos e arredondo os cantos
- uso em seguida uma lixa (pode ser lixa de unha) para desgastar os pelos e tirar os espetados. Desta maneira com os pelos mais curtos a pintura fica mais fácil.

Primeiramente coloquei o stencil sobre a parte manchada e com o pincel fui aplicando a tinta sempre em batidas sobre os recortes vazados. 
Para pinturas com stencil nunca carregue muito o pincel pois o excesso de tinta vai escorrer e estragar seu trabalho.


Se quiser conseguir um efeito de sobreposição não preencha totalmente o desenho que ficará visualmente por baixo.



 Fui brincando com as imagens e cores. 
Pra conseguir o efeito matizado na asa da libélula coloquei primeiramente a cor de fundo (turquesa)  e depois com o pincel levemente "sujo" da outra cor (lilás) pincelei de fora para dentro na borda das asas.




No final a estampa da toalha ficou assim e a mancha anteriormente visível, se escondeu sob a pintura.


Para arrematar, um biquinho de crochê nas cores da pintura.


A toalha velhinha e manchada, reformada e pronta pra uso.



A dica de hoje foi com uma toalha de rosto, mas poderia ser uma toalha de mesa, uma camiseta, um vestido, jeans.....enfim dê asas à sua imaginação e reaproveite!


beijos!!!!

terça-feira, 29 de outubro de 2013

UM CANTINHO DE MINHA CASA - BCFOTOS

Quando você vier à minha casa  é por aqui que lhe dou as boas vindas. 
Gosto muito desse pequeno espaço  que permite um pouco de privacidade quando a porta da rua se abre.





Em uma Casa Cor vi uma luminária que fiquei realmente apaixonada, olhei bem e fiz a minha versão dela. Adorei o resultado.



São poucos objetos, mas a luz brinca de desenhar a parede em vários momentos do dia com imagens diferentes.



Este post participa da BCFotos da Dani. Vá lá e se inspire num monte de  cantinhos legais.


BEIJOS!!!!!!





terça-feira, 22 de outubro de 2013

QUEBREI !!!!! E AGORA?!


Sabe aquele dia que parece que as coisas não param em sua mão por mais que você tente?
Aconteceu comigo. Bati a beirada de um prato de sobremesa na borda da pia e uma lasca voou pra longe. Fiquei estática!!! Francamente, eu que havia recomendado um monte pra minha ajudante do lar, logo eu, fui cometer este desatino. 
Colar? Aff!!! que horror! Isto vai pro lixo! E foi.....

Alguns minutos depois, graças à Deus, eu tive um ímpeto, tirei do lixo e deixei sobre a pia, mais aquilo estava me incomodando demais pois ele "gritava" categoricamente comigo:
- Foi você! Você me quebrou!

Eu tinha que dar um jeito naquilo, foi aí que me bateu uma ideia. Vou tentar. 
Depois de erros e acertos, adorei o resultado. Quer ver como eu fiz?


Meu prato lascado e a cola que eu usei pra colar. 
(tentei colocar a foto em pé mas o blogger não cooperou)



Depois de colado ficou assim. Eu diria que bem "meia boca" e ainda faltou uma lasquinha.



Um guardanapo de papel e cola gel para decoupage foram meus primeiros materiais (eu usei a cola da Corfix).


Borboletas recortadas. Posicionei primeiramente uma figura sobre a lasca da porcelana colada pra disfarçar, em seguida distribui o restante. Veja que aproveitei também as figuras que não estavam completas colocando-as estrategicamente nas beiradas.


Despeje uma porção de cola gel em um recipiente, não use diretamente do frasco, vá acrescentando mais à medida que for necessário.


Pegue um pincel macio e comece à aplicar a cola gel pela figura que ficará sobre a parte quebrada da porcelana. Aplique a cola na figura  sempre do meio para as bordas . Observe que deixei um pedaço da figura para fora da borda do prato.





Virei o prato e colei o pedacinho da figura na parte de baixo do mesmo. Com isto vedei bem a lasquinha colada.


 Depois colei o restante das figuras  e usei uma caneta permanente para fazer as anteninhas das borboletas.



Usei então o Relevo Transparente da Corfix para passar sobre as figuras.


Gosto deste efeito 3D, mas principalmente o relevo serve para proteger o papel do guardanapo que é muito fino.

Uma dica :
Quando aplicar o relevo transparente mantenha a peça sempre na horizontal até secagem de mais ou menos 24 horas, senão ele escorre. Depois de alguns erros fui fazendo aos poucos e virando a peça para manter sempre plano. Não precisa de pincel, aplique diretamente do frasco que contém um biquinho próprio.




Meses atrás comprei este quadro porque gostei da moldura. Paguei barato, valeu à pena!



Retirei a figura feia e coloquei  junto ao prato para destacá-lo.



 E a lasquinha quebrada? Sumiu.... ou melhor, não dá pra ver!




Por enquanto vai ficar aqui nesta parede na subida da escada que estava fazia. 


Veja bem, no meu caso foi uma pequena lasca que quebrou do prato, mas caso a peça quebre em mais pedaços, não tem problema, a ideia também vale, desde que você use as figuras para disfarçar os quebrados.

Viu? Quebrou..... consertou.....reciclou e deu outro uso!

Espero que vocês tenham gostado.

beijos!!!!